Para iniciar, nada melhor do que uma história de impacto. Acreditem se quiser: a marca mais famosa do mundo – e provavelmente de todos os tempos – foi criada por um sujeito que já tinha 55 anosJohn Pemberton. E engana-se quem pensa que a ideia foi sendo trabalhada desde sua juventude (afinal de contas, ele tinha estudado medicina e farmácia). Na verdade, sua invenção foi produto de seus pensamentos depois de voltar da Guerra Civil norte-americana:

John_Pemberton“Após voltar como um herói da Guerra Civil, ele assumiu uma nova paixão: criar uma nova bebida que seria um tanto refrescante, quanto uma bebida que serviria de remédio para dor de estômago. E então, um dia, em maio de 1886, aos 55 anos de idade, no interior de sua oficina, ele criou o primeiro lote de que se transformaria na mais ácida bebida, a Coca-Cola.”

A bebida mais famosa do mundo surgiu de uma mente de… 55 anos de idade (imagem: Wikipedia)

A lição é clara aqui: inovação não tem data de validade cerebral. Só será muito tarde quando…bem… quando for realmente muito tarde. Ou seja, quando ocorrer a morte (curiosidade: John Pemberton morreu apenas 2 anos após ter inventado a Coca-Cola)

Comentários

comentário(s)